Desenho como “síntese” e “desinvenção”
Artigos

Desenho como “síntese” e “desinvenção”

De quem é o olhar Que espreita por meus olhos? Quando penso que vejo, Quem continua vendo Enquanto estou pensando? FERNANDO PESSOA “De quem é o olhar” | 1917 Certa vez, quando Einstein atravessava um parque, indagou a um transeunte que passava: “Com licença, cavalheiro, poderia me dizer se eu vim da direita ou da esquerda?” O … Continuar lendo

DESENHO IN NATURA
Artigos

DESENHO IN NATURA

“O Desenho não se encontra fora do traço, está dentro dele.” (Ingres) A única prática humana que não requer reflexão é a violência. O Desenho – considerado historicamente articulador das categorias artesanais – nunca pode reduzir-se a uma única grandeza (somente técnica, ou somente conceito). Essa redução implica mutilação do espírito que o alimenta enquanto … Continuar lendo

GOTTFRIED HELNWEIN: O perverso hiper-real
Artigos/Artistas Contemporâneos

GOTTFRIED HELNWEIN: O perverso hiper-real

GOTTFRIED HELNWEIN  | The Disasters of War 28 | Óleo e acrílica sobre tela (2011) Na era em que a reprodutibilidade técnica sofre enorme impacto das novas tecnologias de manipulação e reprodução em tempo real da imagem, e em que as derivações da arte Conceitual possuem hegemonia nos circuitos mainstream, o que menos se esperava era … Continuar lendo