50 artistas contemporâneas que redimensionam o lugar da mulher na arte hoje

Dedico esse post à artista Ise Feijó, como incentivo a sua produção  (não é uma montanha, mas é uma prova de amor)… Os problemas que surgem quando nomeamos certa produção como “arte de mulheres”, “arte feminina” ou “feminista” revelam a colonização e os limites de nossa própria língua. Afinal, são as lacunas da linguagem osContinuar lendo “50 artistas contemporâneas que redimensionam o lugar da mulher na arte hoje”